Você pula, eu pulo, lembra?
Derrotador

“Desculpa se te liguei, é que esqueci de fingir que não estou nem ai.”

Soulstripper. 

12273 NOTES - reblog - permalink

“Ela não mudou, apenas aceitou as oportunidades que a vida lhe ofereceu.”

Me confundiram com Elizabeth.  

1405 NOTES - reblog - permalink

“Há uma semana atrás tentei te dizer, todas as verdades que tentei esconder, me sufocava mas não ia adiantar eu falar. Minha saída agora é me convencer que ao teu lado eu não iria mais ver motivos ou razões pra tentar continuar à viver.”

Vivendo do Ócio 

78 NOTES - reblog - permalink

“Se foi amor eu não sei, mas me acalmou, me fez bem, isso já era o suficiente pra mim, um peito para repousar minha cabeça cançada. Por que acabou? Talvez pelo mesmo motivo que começou, o desejo era maior que o sentimento.”

Me confundiram com Elizabeth.   

607 NOTES - reblog - permalink

“Se lembra daquela garotinha de 10 anos atrás? Ela ainda existe. A mesma ingenuidade, o mesmo tom de cabelo, algumas tristezas a mais e felicidades a menos. Ela continua a mesma, persistente, teimosa e sonhadora, apesar de seu corpo transmitir uma imagem adulta. É só você se aproximar pra perceber que lá dentro reside uma criança frágil e assustada, apenas esperando por qualquer um que possa torná-la mulher.”

Me confundiram com Elizabeth.  

244 NOTES - reblog - permalink

“Ela era um texto que ninguém queria ler até o fim.”

Ariel S.   

67012 NOTES - reblog - permalink

“Ela de tpm me assusta, ela grita, fecha a cara, chora, é extremamente irônica e quer me matar. E mesmo assim, aquele sorriso dela quando recebe um chocolate é a coisa mais linda do mundo. Simplesmente me esqueço da gritaria e dos arranhões que ela fez em mim. Caramba pequena, você de tpm é caso sério, nem dá para brincar. Mas fala sério, você curte quando eu sou atencioso, e faço de tudo por ti. Eu te cuidaria de segunda a segunda até esse seu stress passar. Topa uma tarde só nós dois, agarradinhos, embaixo do acondicionado, com frutas frescas, muito chocolate, e sussurros em cada pausa de beijos só para você saber o quanto eu te amo.”

Pedro L.  

1034 NOTES - reblog - permalink

“Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar.”

Cora Coralina. 

6916 NOTES - reblog - permalink
- -
-